Logo

O CEC – Centro de Educação Continuada – foi criado pela Federassantas com o objetivo de oferecer programas de capacitação e atualização profissional para os diversos agentes envolvidos no processo de gestão hospitalar, dentro de uma perspectiva motivacional e de qualificação setorial,

Foi criado há mais de 10 anos e hoje conta com infra-estrutura própria e adequada para a realização dos treinamentos, com ambiente climatizado e equipamentos de áudio, video e transmissão por vídeo conferência.  Funciona no mesmo prédio onde é a Sede da Federassantas, em Belo Horizonte e para os cursos no interior são viabilizadas parcerias, na maioria das vezes com as próprias instituições filiadas.

O CEC é direcionado para os diversos profissionais da área da saúde, nos diferentes níveis de atuação, mas todos dentro de uma matriz de educação permanente que permite a sinergia na aplicação dos conhecimentos e foco em resultados.

Diversos produtos são oferecidos pelo CEC como palestras, workshops, cursos de curta duração e programas modulares. Através de pesquisas e levantamento de demandas, são realizados treinamentos em várias áreas e níveis buscando abranger a grande complexidade dos profissionais que envolvem os serviços de saúde: Faturamento, Suprimentos, Hotelaria, Enfermagem, Farmácia, Sistemas de Informação (Tabwin, Siconv, Cebas), Liderança, Gestão Financeira, dentre outros.  Muitos hospitais contratam a Federassantas diretamente para eventos e treinamentos in company específicos dos seus colaboradores.

A Federassantas atua em parceria com instrutores, que muitas vezes são vinculados às próprias instituições e que detêm grande conhecimento da sua área servindo de multiplicadores dos seus conhecimentos nos cursos oferecidos pelo CEC. Neste caso, os conteúdos são elaborados através de vivências nas rotinas do dia a dia e contribuem para a melhoria contínua dos processos.

Existe um critério rigoroso de qualificação dos instrutores que comprovadamente precisam ter experiência na área da saúde e vivência no setor filantrópico hospitalar. Além disto, devem alcançar níveis de avaliação satisfatórios dos alunos e serem comprometidos com os resultados.

Outra modalidade é a realização de cursos em parceria com empresas, órgãos públicos e entidades de educação. Um exemplo de sucesso são os cursos de Classificador do Sistema Manchester, ministrados pelo Grupo Brasileiro de Classificação de Riscos (GBCR), sob a presidência do Dr. Welfane Cordeiro, referência em processos de urgência e emergência do Setor Saúde.