Logo

Federassantas e gestores de hospitais identificam necessidade de redução de atendimento nas instituições filantrópicas

Representantes de dezenas de hospitais de diferentes regiões participaram ontem (06/08) de uma assembleia na Federassantas, para pactuar medidas e ações que serão concretizadas para garantir a sustentabilidade e evitar um agravamento ainda maior da situação econômica dos hospitais filantrópicos. As ações se fazem necessárias devido os atrasos absurdos do Governo de Minas Gerais e o impacto que isto tem gerado às instituições. A ausência destas medidas podem ainda comprometer a totalidade dos atendimentos à população por eles atendida.

Durante a assembleia, a Diretoria da Federassantas propôs aos presentes a assinatura de um documento, direcionado ao Governo Estadual e órgãos de controle e fiscalização, notificando sobre a necessidade de redução de atendimentos nos hospitais filantrópicos, caso não ocorra a regularização dos repasses dos programas estruturantes da rede. A notificação visa ainda resguardar os hospitais filantrópicos, seus gestores e os cidadãos usuários do SUS.

A presidente da federação, Kátia Rocha, destacou que a notificação deverá ser assinada por todos os hospitais que estiverem de acordo com as providências que serão tomadas, e reforçou a necessidade e importância da união de todos para a assinatura do documento, visando desta forma buscar a sustentabilidade e sobrevivência das instituições filantrópicas em Minas Gerais.

A presidente lembrou ainda da carta de recomendação pública, divulgada no dia 25 de julho, alertando que gestores das instituições filantrópicas notifiquem as autoridades, Ministério Público e conselhos de entidades regionais para que todas tenham ciência da grave situação que se encontram os hospitais; por quanto tempo as instituições conseguem manter os serviços; e os riscos de suspensão de atendimentos para a população.

Durante a reunião, foi proposto e deliberado o apoio e adesão das santas casas e hospitais filantrópicos ao movimento da Associação Mineira de Municípios (AMM), que será realizada no próximo dia 21 de agosto.