Logo

Federassantas propõe Comissão para discutir políticas de saúde mental

A Federassantas realizou ontem (12/09) uma reunião com representantes de hospitais filantrópicos que possuem leitos de Saúde Mental e Leitos Psiquiátricos, com o objetivo de criar uma Comissão que represente as instituições que atendem estas demandas.

A proposta é aproximar a Federação a estes hospitais, e em parceria com os filiados promover a organização de eventos direcionados para este segmento. Além disso, tem como objetivo aproveitar as oportunidades de troca de experiências, alinhar conceitos, estruturar informações da Rede de Atenção Psicossocial e fortalecer a relação com os demais órgãos envolvidos no desenvolvimento e implementação da Política de Saúde Mental.

A reunião foi passo importante para fortalecer a relação entre Federassantas e os Hospitais que atendem às demandas do segmento em Minas. Para Isabela Gonçalves Barros, assessora técnica da Federassantas, “agora serão aprofundadas as discussões acerca das legislações e diretrizes vigentes,  mapeamento dos hospitais e serviços de referência que possuem leitos habilitados em saúde mental”. A assessora afirma também que a partir disso, será possível levantar e comparar informações relacionadas ao volume de produção hospitalar destas instituições, valores de remuneração e de custeio, indicadores assistenciais, e mensurar a representatividade dos filantrópicos deste setor no Estado.

A Federassantas ressalta que a participação contínua e efetiva dos filiados nesta comissão será de extrema relevância para o avanço das discussões e para o enriquecimento dos estudos e propostas de melhoria da Política Nacional de Saúde Mental.

Por Cássia Almeida – Assessoria de Comunicação Federassantas