Logo

Serviços de Saúde e outras políticas sociais regridem no país

De acordo com o Datafolha, saúde é a principal preocupação dos brasileiros para as próximas eleições. O país regrediu em termos sociais nos últimos quatro anos. O número mais simbólico a indicar o retrocesso é o aumento da mortalidade infantil, cujo índice subiu em 2016, pela primeira vez desde 1990.

A ONU divulgou relatório dizendo que o número “é motivo de muita preocupação, especialmente com as restrições orçamentárias para o sistema público de saúde e outras políticas sociais, que comprometem severamente os compromissos do Estado brasileiro de garantir direitos humanos para todos, especialmente para crianças e mulheres”.

A alta nos casos de sífilis e sarampo e a redução do número de leitos de internação são outros dados que indicam um retrocesso no Sistema Único de Saúde, que completa 30 anos em 2018.

Saiba mais em: https://odia.ig.com.br/brasil/2018/08/5563590-servicos-de-saude-e-outras-politicas-sociais-regridem-no-pais.html#foto=1

Fonte: Portal O Dia